03 junho 2008

Nem Pink Floyd Explica


Peace Will Come

There's a chance peace will come in your life please buy one

For sometimes when I am feeling as big as the land
With the velvet hill in the small of my back
And my hands are playing the sand

And my feet are swimming in all of the waters
All of the rivers are givers to the ocean
According to plan, according to man

Well sometimes when I am feeling so grand
And I become the world
And the world becomes a man

And my song becomes a part of the river
I cry out to keep me just the way I am
According to plan

According to man, according to plan
According to man, according to plan

For sometimes when we have reached the end
With the velvet hill in the small of my backs
And our hands are clutching the sand

Will our blood become a part of the river
All of the rivers are givers to the ocean
According to plan, according to man

There's a chance peace will come
In your life please buy one.

Melanie Safka

Bem, parece que este blog virou mesmo um diário virtual né. Então prosseguirei assim. Mas vejam bem, as poesias e letras de músicas que coloco aqui sempre estão relacionadas ao que digo.
Esse fim de semana foi ótimo. A banda de um amigo meu voltou a tocar, no sábado fui com a Tati (infelizmente ela não consegue me acompanhar, rs) ao Pantera e depois fui na feira ecológica ver Pena Branca e Moxuara - o que foi ótimo, conheci pessoas legais, dancei, me diverti demais -, e para começar esta semana cheia de energia no domingo fui a um lugar chamado Piapitangui - próximo a Roda D'água - e conheci pessoas maravilhosas que me acolheram com todo carinho e me proporcionaram um dia perfeito. O lugar é simples, bem interior mesmo e é lindo demais!!!! Dá até para ver o Moxuara.
Espero que meus finais que já eram ótimos continuem ficando cada vez melhores.
E agora me voy porque tenho muito o que fazer. Com curso de informática, curso de Pedagogia de Projetos, revisão de livro pra finalizar, memorial para entregar no sábado e aniversário de amiga amanhã eu to lascada. rs Vamo que vamo!

Livro das Perguntas

Tem coisa mais boba na vida
que chamar-se Pablo Neruda?

Que vim fazer neste planeta?
A quem dirijo esta pergunta?

E que importância tenho eu
no tribunal do esquecimento?

Não era verdade que Deus
vivia no mundo da lua?

Minha poesia desgarrada
abr'olhos com estes olhos meus?

Por que me picam as pulgas e os
sargentos da literatura?

Que dirão da minha poesia
os que não tocaram meu sangue?

Posso perguntar ao meu livro
se eu mesmo o escrevi? Desde quando?

Por que nas épocas obscuras
se escreve com uma tinta extinta?

E por que detesto as cidades
com cheiro de mulher e urina?

Quem devorou rente aos meus olhos
um tubarão cheio de pústulas?

Por que andam as ondas me indagando
sobre as mesmíssimas perguntas?

Por que não nasci misterioso?
Por que cresci sem companhia?

Das tais virtudes que esqueci
dá pra fazer um terno novo?

Onde está o menino que fui:
anda comigo ou evaporou-se?

Sabe que nunca fui com ele
nem ele comigo tampouco?

Por que estivemos tanto tempo
crescendo para essa ruptura?

Quando minha infância se foi
por que nós dois não fomos junto?

Ainda ontem disse aos meus olhos:
quando de novo nos veremos?

Não é melhor nunca que tarde
dentro de listões amarelos?

Em que janela me quedei
em busca do tempo, se pulcro?

Ou o que diviso destes ermos
ainda não passa de futuro?

Que me esperava em Ilha Negra:
verdades verdes? compostura?

Se morri e não me dei conta
morto, a'hora, a quem me pergunto?

Quem me mandou desvencilhar-me
das portas do meu amor-próprio?

É verdade que um condor negro
sobrevoa minha pátria noite?

Que há de pesar mais na cintura:
padecimentos? memórias?

Que deu em mim de transmigrar
se vivem no Chile meus ossos?

Por que me movo sem querer?
Por que estou sempre desinquieto?

E se minh'alma desabou
por que meu esqueleto prossegue?

Por que vou girando sem rodas
e voando sem asas nem penas?

Por que minha roupa desbotada
se agita como uma bandeira?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

GAROTA DE OUTONO

GAROTA DE OUTONO

Por um 2010 mais romântico!

Loading...